Conheça a minha trajetória

No ano de 2020 a Ciclo assessoria em comunicação fez esse texto que representou bem a minha trajetória. Compartilho com vocês:

Lídia Tostes têm impactado positivamente não somente Uberlândia, cidade onde reside e é mais atuante, mas também toda região do Triângulo Mineiro.

A moça aparentemente meiga de voz doce e tranquila é uma líder nata que mobiliza já há seis anos o setor holístico e soma mais de 10 anos de carreira na produção cultural.

Tudo começou na área de produção de eventos. Eficiência e trabalho nunca faltaram, mas com o tempo Lídia sentiu que precisava desacelerar para cuidar mais de si e um mergulho profundo no autoconhecimento e na filosofia do Yoga a fez ressignificar sua carreira na direção da promoção de projetos e ações com foco na cultura indiana e atividades holísticas.

Com formação no Hatha Yoga, muitos estudos, vivências e contato com muitos professores da região e do Brasil, ela é responsável pela realização da Semana Internacional do Yoga, que em quatro edições reuniu mais de 5.000 pessoas interessadas na filosofia milenar.

O interesse crescente da cidade fez surgir também em 2020 a primeira edição do Sintonia Cultural: Conexão Uberlândia-Índia, um projeto que ofereceu gratuitamente diversas atividades on line por meio do PMIC – Programa Municipal de Incentivo à Cultura – da Secretaria de Cultura de Uberlândia: mais um sucesso empreendido por Lídia Tostes.

Nesta trajetória, suas ações mobilizaram muitas pessoas e não somente aquelas interessadas no acesso ao saber, ao conhecimento sobre a cultura indiana, o Yoga, a Saúde Integral, mas também aquelas que enxergam a oportunidade de trabalhar e expandir sua atuação através das iniciativas de Lídia.

Uma rede de pessoas, profissionais, escolas, produtores e empresários de vários segmentos foi estruturada em Uberlândia e região por meio do deste trabalho. O setor de cursos cresceu, a demanda por profissionalizações também e o número de interessados nas práticas do Yoga e da cultura indiana vêm aumentando exponencialmente.

Assim, os aspectos inovadores de suas ações estão proporcionando ao setor um movimento inédito de oportunidades que vão desde a promoção da acessibilidade à atividades que disseminam, valorizam e preservam a cultura, até a geração de trabalho e renda e o fortalecimento das economias criativa e solidária para diversos segmentos.

Em 2017, Lídia criou o Guia Livre Ser, uma plataforma online que ajudava a divulgar ações, serviços e eventos, e foi a materialização de sua perspectiva social. Através do Guia – que recebeu esse nome justamente por ter o objetivo de servir de direção para o setor, os profissionais da área holística encontraram um meio de se conectarem, dialogarem, se unirem para impulsionamento de toda esta cadeia produtiva que envolve artistas, professores, empresários, pessoas interessadas em cultura, bem estar, qualidade de vida, autoconhecimento.. todos imbuídos de um espírito comum: transmitir ou compartilhar saberes, formas de expressões, difundindo e preservando a cultura, transformando vidas e ainda fazendo disso um meio de sobrevivência com trabalho, criatividade e solidariedade.

Vale lembrar que o aspecto social acompanha Lídia Tostes desde antes de seu mergulho na filosofia indiana. Há mais de 10 anos, seus primeiros grandes eventos como produtora foram a tradicional Festa Junina e o Bazar Solidário da AACD de Uberlândia. Em 2013, também vivenciou uma experiência internacional como voluntária em uma ONG chilena.

Para ela, o caráter de acessibilidade dos eventos culturais é motivador. “O acesso gratuito, para mais pessoas terem contato com cultura e lazer, com culturas diferentes e com a nossa regional, com o que a gente produz aqui, isso é muito importante para mim”, comenta Lídia que está cada vez mais atuante, tendo se tornado também professora de Yoga Dedé 2017.

Com formação em Hatha Yoga , especialização em Yogaterapia Hormonal nível 1 e 2, Yoga nas mais diversas fases da vida, como o Yoga no Puerpério, e com mães e bebês, visando o equilíbrio energético em todos os seus aspectos, ela tem dado bastante foco no trabalho com mulheres.

Lídia Tostes

“A cultura indiana está ganhando peso e reconhecimento cada vez maior no Ocidente e fico muito feliz por saber que sou uma colaboradora na sua difusão”, diz Lídia Tostes.